Página Inicial
   
 
 
Empresa | Áreas | Serviços | Notícias | Portfólio | Clientes | Contato
COBRAPE - Companhia Brasileira de Projetos e Empreendimentos
 
Portfólio
CONSULTORIA PARA ELABORAÇÃO DO ATLAS SUL – ABASTECIMENTO URBANO DE ÁGUA
  
voltar



Cliente: Agência Nacional de Águas – ANA

Período: novembro de 2007 - novembro de 2009 

Descrição do Projeto

O Atlas Sul – Abastecimento Urbano de Água visa proporcionar subsídios para o planejamento da oferta de água para os municípios dos Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, com base em um diagnóstico detalhado dos mananciais e da infraestrutura hídrica existente, da identificação das melhores alternativas técnicas e dos investimentos necessários para garantir o atendimento das demandas para o abastecimento humano até o ano 2025. O Atlas Sul faz parte do projeto Atlas Brasil, desenvolvido pela Agência Nacional de Águas – ANA, iniciativa inédita no País, que tem como objetivo conhecer a situação do abastecimento urbano de águas dos 5.565 municípios brasileiros e propor soluções para os superar os déficits e os conflitos de uso identificados. A área de abrangência do Atlas Sul envolve todas as sedes urbanas do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, totalizando 789 municípios. O Projeto conta com recursos do Banco Internacional para a Reconstrução e Desenvolvimento – BIRD.

Descrição dos Serviços

1. Abastecimento de Água

  •  Análise dos municípios, mananciais e sistemas produtores de água, incluindo captações, adutoras e estações elevatórias de água bruta, estações de tratamento de água, adutoras e estações elevatórias de água tratada e reservatórios.
  • Verificação junto aos prestadores de serviços das características de cada componente, equipamentos, etc., e de suas capacidades de produção de água.
  • Avaliação das capacidades de água quanto ao atendimento das demandas nos horizontes de 2005, 2015 e 2025.
  • Propostas de soluções para os déficits verificados e cálculo dos investimentos necessários à complementação dos sistemas como subsídio ao planejamento local e regional.

2. Esgotamento Sanitário

  •  Estudos e diagnósticos dos sistemas de tratamento de esgotos.
  • Avaliação de tipologias de tratamento (tanques sépticos, filtros anaeróbios, lodos ativados, reatores anaeróbios, filtros biológicos, lagoas de estabilização, disposição no solo, entre outros), dos volumes e percentuais de esgoto coletado e tratado em cada município, da eficiência do tratamento, outorgas, pontos e emissários de lançamento, corpos receptores e mecanismos de diluição, etc.
  • Simulações de cenários prospectivos de qualidade ambiental e das águas.
  • Propostas de planos de investimentos.

 3. Recursos Hídricos

  •  Caracterização dos mananciais de todos os municípios abrangidos quanto aos aspectos quantitativos e qualitativos.
  • Avaliação dos estudos hidrológicos de planos diretores de água, planos de bacias hidrográficas, estudos de regionalização de vazões, etc. para obtenção das vazões de referência (Q7 10 Q90%, Q95%, QMLT) e das vazões outorgáveis, conforme critérios dos poderes outorgantes estaduais e da ANA.
  • Exame dos dados de outorgas e dos usos não outorgados e das transposições de bacia também como subsídio para o cálculo das vazões disponíveis ou efetivas por meio de metodologia específica e de modelagem matemática para as simulações.
  • Avaliação de canais, eixos de integração de bacias hidrográficas e barragens de usos múltiplos para o planejamento de alternativas técnicas.

 4. Desenvolvimento Regional

  •  Detalhamento de problemas e conflitos em torno do uso da água de grande importância regional, como subsídio para a discussão das propostas de aproveitamento estratégico dos recursos hídricos e do desenvolvimento social e econômico, em particular no caso das regiões de São Paulo, Campinas e Baixada Santista que compõem a macrometrópole paulista.

 5. Meio Ambiente

  • Avaliação de problemas como assoreamento, lançamentos de efluentes domésticos e industriais, acidentes, contaminação dos mananciais por agrotóxicos, má disposição do lixo, eutrofização de reservatórios, etc.
  • Análise de qualidade das águas, por meio de dados monitorados levantados em campo.

 6. Sistema de Informações e Modelos

  • Desenvolvimento e a operação de banco de dados relacional, integrado a Sistemas Georreferenciados de Informações (ArcGis) e à Web (www.ana.gov.br), para sistematização das informações coletadas em campo e simulação de cenários de alternativas técnicas para solucionar os déficits e problemas verificados nos mananciais e sistemas produtores.
  • Treinamentos e a transferência das tecnologias e conhecimentos ao cliente e aos usuários.

 7. Desenvolvimento Institucional e Capacitação

  •  Análise do contexto institucional e legal das propostas de mananciais e obras de infraestrutura e propostas de arranjos institucionais para sua implementação e operação.
  • Proposição de mecanismos institucionais que garantam a continuidade das intervenções.


voltar

 
Consulte o Portfólio

Todos os trabalhos


RSS (Really Simple Syndication)
 

© 2008 - COBRAPE - Companhia Brasileira de Projetos e Empreendimentos | Todos os direitos reservados.
Produzido por - Plátano Comunicação S/C Ltda | Designer GuinaWeb - Ateliê Designer


RSS (Really Simple Syndication)